PINTE VOCÊ MESMO

interior-design-style-design-sofa-green-pillows-vases-table-painting-house-lounge

Esta reportagem é um apanhado de experiências de pessoas normais, ou seja, os aventureiros; aqueles que são ‘pau pra toda obra’.

1. Aquelas pinturas antigas de duas cores na mesma parede já não são mais ha tempo, agora a tendência em ambientes internos é tudo o mais homogêneo possível, de preferência combinando com os móveis; por exemplo: se seus armários da sala forem marrom, fica bacana uma sala toda no branco gelo, ou um tom pastel; com o fundo da parede da estante na cor cinza, se a estante for cinza, a parede marrom escuro criará um contraste muito bonito.

2. As tintas de parede geralmente são a base de água, as vezes você fica todo preocupado em não deixar respingar no piso, esta preocupação é boa, mas entenda; as tintas geralmente melhores tem a tendência de não saírem com facilidade portanto está técnica vai te ajudar um pouco. Quando passar o rolo, não deixe que ele fique muito umedecido, espere o excesso escorrer dentro do recipiente onde esta armazenada a tinta antes de levar à parede, após este procedimento, comece de cima para baixo de forma contínua, não precisa pressa, assim você evitará bastantes respingos, mas como as tintas são à base de água tenha por perto um balde com água e um pano molhado, de tempos em tempos, passe o pano levemente molhado sobre a superfície que sujou, isso evitará que fique aqueles horríveis borrões de tinta.

3. Pintar uma parede e deixar os cantos mau pintados é o fim, portanto; com um pincel faça primeiro os cantos, quando passar o rolo nestes lugares de difícil acabamento a pintura vai praticamente fechar.

4. Não tenha pressa em passar demãos, espere secar, quando você passa outra mão em cima daquela que ainda não puxou – secou – você terá grandes chances de sua pintura ficar manchada, principalmente se a tinta não for de boa qualidade.

5. Tire as tampas dos interruptores ou tomadas de energia, você não vai querer pintá-las, se não conseguir faça os cantos com um pincel, após passar o rolo, certifique-se de limpar os excessos com o pano umedecido que você já tem por perto.

6. Pinturas profissionalizadas como grafiato ou textura, não são fáceis de fazer, deixe esta parte para um profissional, também não recomendo a tentativa de aplicar massa corrida, contudo esta é relativamente simples, precisa apenas de uma espátula e lixa. Existem diversas formas de espátula, desde o metal até o plástico.

7, Só faça se tiver segurança: Massa Corrida – limpe e lixe a parede onde será aplicada a massa corrida, após isto, coloque um pouco de massa na espátula e espalhe até que fique uma camada bem fina, se quiser; ou a massa não for de boa qualidade é interessante passar outra demão, após ela secar, lixe-a, quando estiver bem lisinho parecendo espelho é só pintar. Existem técnicas de diluição da massa corrida em água, depois aplica-se com o rolo de pintar e passa-se um rodo comum (de banheiro) para alizar, mas nunca utilizei, contudo tenho que te informar que existe. Espero que estas dicas sejam de grande valia, boa sorte na sua empreitada da casa nova ou quase isso.

OPINE